Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Noticiar a Região do Ribatejo

"Noticiar a Região do Ribatejo" é um blogue de notícias da região do Ribatejo

Noticiar a Região do Ribatejo

"Noticiar a Região do Ribatejo" é um blogue de notícias da região do Ribatejo

Santarém - Nuno Figueiredo recebe Prémio Nacional de Poesia Actor Mário Viegas

11.11.18 | noticiar

Nuno Figueiredo recebe Prémio Nacional de Poesia

Nuno Figueiredo recebe Prémio Nacional de Poesia

 

O Centro Cultural Regional de Santarém atribuiu, ontem, o Prémio Nacional de Poesia Ator Mário Viegas, ao poeta e ficcionista Nuno Figueiredo, com a sua obra “Epifanias”.

Nuno de Figueiredo, natural de Coimbra, publicou o seu primeiro livro de poesia em 1985, tendo-se estreado na ficção em 1997.

A este prémio concorreram 243 obras, oriundas de Portugal, Brasil, França, Reino Unido e São Tomé e Príncipe.

Esta cerimónia marcou o início das comemorações de homenagem ao Ator Mário Viegas, que também contou com a inauguração da Exposição itinerante Mário Viegas “O Sonho ao Poder”.

O Prémio Nacional de Poesia Actor Mário Viegas foi instituído em 2003, com o objetivo de perpetuar o ilustre Scalabitano Mário Viegas.

 

«Nascido a 10 de novembro de 1948 em Santarém, cidade onde passou a infância, Mário Viegas foi ator, encenador, “recitador e amante da poesia”, de que foram exemplo os programas televisivos “Palavras Ditas” e “Palavras Vivas” e as inúmeras gravações, tendo ainda fundado três companhias de teatro e participado em mais de 15 filmes.

 

Ao longo do mês de novembro, o Fórum Actor Mário Viegas, acolhe a exibição de dois filmes: no dia 16 de novembro, às 21h30, “A Mulher do Próximo”, que tem como Intérpretes: Carmen Dolores, Virgílio Teixeira e Mário Viegas, realização de José Fonseca e Costa e autoria de Miguel Esteves Cardoso e José Fonseca e Costa. Ano1988, e no dia 24 de novembro, “Palavras Ditas e Palavras Vivas”, que pretendem mostrar o grande intérprete que foi Mário Viegas nos domínios da poesia, do teatro e do cinema”, numa iniciativa realizada em colaboração com o Cineclube de Santarém.

  

O Centro Cultural Regional de Santarém, C.R.L (CCRS) foi criado em 1980 na consequência de um projeto de descentralização cultural da Secretaria de Estado da Cultura, com o apoio da Câmara Municipal de Santarém e da Fundação Calouste Gulbenkian, com escritura pública de constituição lavrada a 10 de julho de 1980.

 

Formado com a preocupação da formação de agentes culturais e da divulgação do produto artístico dos núcleos culturais espalhados pelo distrito, hoje em dia o CCRS propõe-se acolher, propor e dinamizar manifestações culturais, constituindo um polo ativo de debate da cultura e da cidadania.»